Provas práticas do concurso público municipal foram realizadas no final de semana

Foto: Paulo Batista

Neste sábado (13) e domingo (14), a Prefeitura de Bagé e a Fundatec, empresa responsável pela aplicação das provas, realizaram a etapa prática do Concurso Público Municipal que contemplou todas as áreas da administração pública local, totalizando mais de 100 vagas. Dentre as atividades, destaque para a que ocorreu no 3º RCMEC que visa formar a guarda municipal com 25 integrantes.

A dinâmica consistia em realizar um percurso de 2,4km no tempo de 12 minutos. Na sequência, os candidatos que passassem da primeira fase, deveriam fazer 25 abdominais e 15 flexões. Presente no local, o secretário de Segurança e Mobilidade Urbana, José Carlos Nobre, falou sobre a prova. “Depois dos testes de aptidão física, teremos a avaliação psicológica e investigação de vida pregressa, para depois começarmos o curso de formação, o que deve acontecer em agosto”, explicou.

“Estamos felizes de cumprirmos mais um estágio, o que nos deixa cada vez mais perto de chamarmos os aprovados para este importante cargo que será o de dar mais segurança aos bageenses” destacou o prefeito de Bagé, Divaldo Lara.

O candidato Carlos Iury Tolozan, 28 anos, foi um dos que conseguiu completar todas etapas físicas, na manhã de sábado: “A segurança é uma área que me interessa bastante. Já fiz concurso público em diversas cidades e quando abriu onde moro fiquei feliz. Se eu passar das próximas fases, será uma honra compor a primeira turma da guarda municipal”, afirmou. Tolozan também comentou sobre a prova. “Estava mais difícil do que o esperado por causa do vento gelado e da pista molhada, mas felizmente consegui. Os exercícios físicos foram mais tranquilos”, garantiu.

Cumprindo determinações sanitárias, os concorrentes foram divididos em grupos de seis por hora para evitar aglomerações. Além disso, uma equipe da vigilância em saúde acompanhou a atividade higienizando o local.

Os cargos de marceneiro, motorista, operador de usina de asfalto, pintor (foto), tratorista, assessor de produção de audiovisual, condutor socorrista, intérprete de libras, eletricista, motorista de viatura pesada, operador de máquinas viárias, pedreiro, serralheiro e soldador também ocorreram por diversos pontos da cidade.