Saúde realiza Encontro Regional do Programa Mais Médicos

Crédito: Vitor Garcia

A Secretaria de Saúde e Atenção à Pessoa com Deficiência realizou nesta sexta-feira (10), o Encontro Regional do Programa Mais Médicos, com os cinco municípios que integram o território O encontro teve o objetivo discutir sobre os processos de trabalho, além de fazer um balanço das ações realizadas pelo grupo, promover uma troca de experiências entre os participantes e definir perspectivas para 2017.

De acordo com a coordenadora do Programa Mais Médicos em Bagé, Deise Quadros, o encontro que reuniu gestores e médicos de Bagé, Aceguá, Hulha Negra, Dom Pedrito e Candiota, que atuam pelo Programa, teve o intuito de fazer uma avaliação do trabalho que é desenvolvido na atenção básica. “Esse evento tem como prioridade fazer um balanço das atividades realizadas em cada município. A outra vertente é fazer com que tanto os gestores quanto os médicos trabalhem na melhoria a assistência à população”, destaca.
O secretário Mário Mena conversou com os participantes sobre o programa e frisou que, para o município, o Mais Médicos é de vital importância para a saúde da cidade. Para o médico, o setor melhorou muito com a implantação do Estratégia Saúde da Família e com o Mais Médicos. Acrescentou ainda que o grande diferencial do programa foi levar mais médicos para as regiões que eram carentes desses profissionais, e dar continuidade é uma das prioridades de seu governo. “Estes encontros servem para, além de tirar dúvidas também aprimorar a qualidade dos atendimentos”, afirmou.
Em concordância com o secretário, o prefeito Divaldo Lara ressaltou a importância dos médicos para a nossa rede pública de saúde. “O trabalho realizado pelo Mais Médicos é reconhecido na comunidade perante a opinião pública e nós da nova gestão temos a mesma compreensão, mesmo entendimento. Portanto é meta do nosso modelo de gestão a valorização de parceria e principalmente o respaldo dos profissionais que conduzam as suas atividades com qualificação, humanidade e produtividade”, concluiu.
Nos próximos dias, mais dois médicos devem ingressar na rede para atuar em Bagé e conforme o secretário, mais dois profissionais foram solicitamos para o Programa, para atender nas ESFs do bairro Ivone e do Getúlio Vargas, que devem ser instaladas assim que os processos sejam encaminhados ao Ministério da Saúde e liberados para implantação das Estratégias Saúde da Família nas unidades.